Equilíbrio de género entre eurodeputados: 2019

Em 26 de maio de 2019, o Parlamento Europeu publicará os resultados das eleições europeias de 2019 por país, bem como uma projeção da sua composição. No pleno respeito pelas leis eleitorais nacionais, a empresa contratante do Parlamento – Kantar – criará projeções dos lugares a nível nacional e da UE. O panorama europeu fornecerá uma primeira projeção geral com os números globais para os grupos políticos, com base na estrutura do Parlamento cessante. Mostraremos os dados disponíveis à medida que for terminando o processo de votação nos Estados-Membros. A projeção será atualizada até que todos os Estados-Membros tenham terminado o escrutínio e os resultados finais tenham sido publicados pelas autoridades eleitorais nacionais.

Além disso, no início da noite de 26 de maio e para os países onde já tenha terminado a votação, as páginas nacionais apresentarão os resultados das eleições por partidos nacionais e grupos políticos, a repartição em percentagem e lugares por partidos nacionais e grupos políticos, bem como os dados sobre a afluência às urnas anunciados pelas autoridades eleitorais nacionais. As páginas nacionais serão acrescentadas e atualizadas à medida que a votação for terminando nos Estados-Membros da UE.

O que é uma «projeção»? A projeção do Parlamento Europeu é uma estimativa da sua composição resultante das eleições. Devido aos diferentes horários de votação nos países da UE, cada uma das projeções na noite das eleições basear-se-á numa combinação de dados disponíveis, que vão desde os dados eleitorais não oficiais – como as sondagens à boca das urnas ou as estimativas publicadas nos Estados-Membros – aos resultados oficiais das eleições nacionais. Os dados, independentemente da categoria a que pertençam, só serão publicados depois de terminado o período de votação no Estado-Membro em causa. A Kantar, a empresa contratante do Parlamento para as eleições, repartirá os resultados nacionais pelos grupos políticos atualmente existentes, com base na lei eleitoral de cada país, fornecendo uma projeção da repartição completa dos lugares no Parlamento Europeu. Uma vez que não é possível predizer a futura composição do Parlamento eleito e dos seus grupos políticos antes da sessão constitutiva de julho de 2019, a projeção da composição do Parlamento baseia-se na estrutura do Parlamento cessante.

O que significa «outros»? A projeção da composição do Parlamento baseia-se na estrutura do Parlamento cessante e dos seus grupos políticos, sem prejuízo da composição do próximo Parlamento na sua sessão constitutiva em julho de 2019. Os partidos nacionais atualmente representados no Parlamento serão colocados no mesmo grupo político, uma vez que estavam presentes no Parlamento cessante. Os partidos nacionais que não estejam atualmente representados no Parlamento Europeu, mas que já sejam membros de um partido político europeu reconhecido, serão colocados no grupo político a que pertence o partido político europeu. Os partidos nacionais que não estejam atualmente representados no Parlamento Europeu, nem tenham qualquer associação oficial com um partido político europeu reconhecido, são classificados na categoria «outros», sem prejuízo da sua orientação política. As alterações na afetação de um partido nacional a um grupo político (ou em relação a uma mudança da categoria «outros» para um grupo político) só serão efetuadas depois de os serviços do Parlamento terem recebido uma confirmação por escrito. Uma vez que não se pode antecipar a que grupo ou grupos vão aderir esses partidos, essa categoria está igualmente dividida à esquerda e à direita do hemiciclo na representação gráfica da projeção global dos lugares.


Descubra como funcionam as eleições europeias
Descarregar e partilhar
Descarregar este gráfico